Você, corrente que ata meu corpo

Você… Corrente que ata meu corpo
Tira-me os movimentos
Corta, sangra
Sem querer prender-me, prende-me a ti
Macula a pureza desse amor que sinto
Estraçalha meu peito
Queima-me a alma
Marca-me
Você, que sem querer me mata
Corda que me enforca
Sufoca
Rouba-me o ar, até o último suspiro
Faz de mim uma folha seca
Jogada ao sabor do vento
Abandonada
Sem você, sou a rua triste de outono que só apresenta beleza aos olhos sensíveis o suficiente para entender a tristeza de te amar…

58 - Você, corrente que ata meu corpo

Anúncios

Um comentário sobre “Você, corrente que ata meu corpo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s